Category Archives: Music

Amarok 2.0 e o problema dos dispositivos externos

Já tinha comentado há um tempo atrás sobre o meu toc de não ouvir músicas repetidas.

Adoro ouvir música, não gosto de ouvir música repetida. Olhando o Last.fm de pessoas normais, você vê o playcount de determinadas músicas em 60, as vezes mais. Porque são músicas favoritas. No meu caso, minhas músicas favoritas tem o playcount em torno de 7.

Eu tava sem Mp3, então isso não vinha sendo um problema, afinal, no amarok 2.0 tem uma parada chamada dynamic playlist, que deixa você dar regras pra criar uma playlist e a minha regra era “playcount=0”, o que fazia com que músicas que já tivessem tocado não repetissem.

Hoje peguei emprestado o mp3 da namorada por uns tempos, daí fui tentar fazer o que fazia no amarok antigo, e não dava. E mais, com esse negócio de dynamic playlist, corria o risco do amarok sortear uma música que eu já tivesse ouvido no mp3.

Resolvi então fazer um script pro amarok, pra copiar as músicas pro mp3 e incrementar o playcount.

O negócio não tá perfeito, mas acabei de testar e serve super bem ao seu propósito :)

Taí pra quem quiser o negócio ;)

http://code.google.com/p/amarok-copy-musics-to-devices/source/browse/trunk/copyMusicsAmarok.py

Show do Velhas Virgens

Ontem teve show do Velhas Virgens aqui no Rio, finalmente. A banda não vinha pra cá desde 2004 e sou super fã dos caras há muito tempo. E dá pra ver ouvindo o cd ao vivo da banda que a presença de palco deles é boa demais.

Embora o atraso pro começo do show tenha sido ruim — umas 3 horas de atraso — o show foi muito bom. Duas bandas tocaram antes de começar o show propriamente dito, Crazy Tony Trio e De’La roque. Crazy Tony Trio é uma banda bem agradável, com músicas próprias e cover de Elvis. Já De’La Roque não faz meu estilo, mas pra quem gosta, teve um bom show, inclusive com uma participação do que eu acredito ser o vocalista do Gogol Bordello.

O Show do velhas, porém, foi foda. Não vou lembrar o setlist todo, muito menos a ordem, mas teve “Cubanajarra”, “Rafaela, Eu amo a sua mãe”, “Essa tal de Tequila”, uma música do novo cd “O Gênio da Garrafa”, “Madrugada e Meia”, “Blues do Velcro”, “Abre Essas Pernas”, uma homenagem a Raul Seixas com Abre-te Sésamo e mais algumas coisas, “A minhoca que acendia o rabo”, “Beijos de corpo”, e se bobear ainda tô esquecendo alguma.

Gritei que nem louco, fiquei pertinho do palco, Paulão é louco, engraçado a beça. E como sempre, reafirmando o fato de serem uma banda independente e não dependerem da mídia pra se manter.

Espero que eles voltem logo, porque o show foi MUITO foda. O odisséia não é a melhor casa pra esse tipo de show, na minha opinião, por ser um lugar pequeno e baseado em comanda (ou seja, na hora de sair, tava aquela fila pra pagar); mas não impediu a diversão.

Gosto Musical

Meu gosto musical é uma coisa engraçada. Ainda tô pra conhecer alguém com um gosto igual ao meu. ?? que tipo assim.. Você vê as pessoas dizendo:

Ah, eu? Eu sou eclético.. Mas eu não curto metal e essas coisas muito barulhentas, sabe. Nem eletrônica. ?? igual sempre não é?

Ou coisa semelhante. Pois é. Quanto a mim? Bom.. Meu chefe é que por vezes brinca me sacaneando que não conhece mais ninguém que ouça músicas como eu. Boto o mp3 no shuffle, e daí vem coisas como:

AC/DC – Chico Buarque – Ayreon – Tiesto – Raul Seixas

Nessa ordem. hehehe
No meu mp3 tem sempre minha coleção de músicas no Shuffle, então acontece muito de ter músicas de todos os estilos musicais que eu ouço. E quando eu digo todos, I mean it. Porque tem ao mesmo tempo AC/DC, Kiss, Chico Buarque, Tom Jobim, Portishead, Foo Fighters, Pearl Jam, Alguma coisa japonesa, músicas de videogames e por aí vai.

O que me entristece é o que já disse em outro post. Hoje em dia tá cada vez mais difícil achar músicas que eu goste. As bandas que chegam no mainstream estão cada vez mais genéricas, os produtores viraram máquinas-de-fazer-bandas. As coisas estão ao contrário. Ao invés de uma banda ficar famosa porque as pessoas gostam, as pessoas gostam porque a banda ficou famosa. Veja aí Rebelde, os frutos de programas como Fama e American Idol, as Boy Bands que apareceram perto de 2000.

??bvio que na época das Boy Bands isso era um fenômeno mais incomum, mas hoje em dia é muito mais comum. ?? que eu ouço pouca rádio pra poder citar nomes, mas é comum notar que as músicas são cada vez mais genéricas.

Só rola bandas boas por mérito próprio na cena independente.

Queria tanto boas bandas novas :|

Música

Comecei a me interessar por música tarde. Mas nunca me interessei de verdade. Sempre quis aprender a tocar um instrumento, mas não tive a oportunidade.

Lá pra 7ª, 8ª série eu comecei a ouvir outras coisas que não a rádio. Achei na rua um CD do Nirvana, o Unplugged MTV, comecei a ouvir Legião Urbana e tal.

Depois, entre a 8ª série e o 1º ano eu comecei a ouvir coisas que eu só tinha ouvido falar. Iron Maiden, Kiss, Metallica. Foi quando eu tive a minha época de Metaleiro Revoltado, só andava de preto, com correntes e tudo o mais. Divertido :)

Daí conforme o tempo foi passando meu gosto foi estabilizando. Fui ouvindo coisas diferentes, abrindo um pouco os horizontes, e no fim fui descobrindo meu gosto por música, refinando ele por assim dizer. Afinal, você só descobre o seu gosto por música quando você começa a descobrir as músicas que você definitivamente não gosta.

Comecei com esse post introdução porque embora esse aqui não seja um blog especificamente sobre música, ando ouvindo cada vez mais músicas que eu não conhecia, ando ouvindo coleções inteiras de artistas, fugindo de seus hits, pra ver se o que eu gosto são de seu estilo, ou de seus hits.

Uma banda que eu descobri que eu só gosto dos hits, por exemplo, é Ramones. Na verdade, eu descobri que acho punk rock muito chatinho. Tirando aquelas músicas mais pop’s (Blitzkrieg Bop, I Wanna Be Sedated, etc) e algumas que não são dos caras mas apareceram em algum cd deles (tipo Have You Ever Seen The Rain), eu não curto o som dos caras. Acho meio “tudo igual”, os fãs que me perdoem. Aquela batida Punk padrão é meio chatinha. Sei lá.

Bom, ainda tenho muito assunto. Música deve voltar a ser assunto por aqui ;)

The 80’s

While I work I’m used to listen to music in ear phones, it’s a great way to focus more on the screen and less in the enviroment, even though I love my work environment ;)

And I’m very eclectic nowadays, even though I was a hard rocker in the college, with all the strangeness included heheh

But lately I like very much to listen 80’s music. Not necessarily mainstream music, like Prince or Phil Collins, but Depeche Mode, The Cure, and some other bands..

The soundtrack for the game GTA: Vice City for instance includes some really good music in the V-Rock Station, songs like Loverboy – Working for the Weekend, Twisted Sisters – I Wanna Rock and others.

AC-DC, Iron Maiden, and some others great artists too.

I really don’t know why some people find the 80’s a “Lost Decade”, at least, not for music :)

10 melhores músicas de fossa

Bom, o Tejo recebeu de alguém, passou pro Hal que passou pra mim.

Músicas de fossa não são minha especialidade há algum tempo, mas como eu gosto de ouvir músicas mais tristes ainda tô dentro da capacidade de escrever essa aí. As músicas não estão em ordem especial. ;)

1. Radiohead – Creep
Essa é uma música que pra mim é uma descrição perfeita de como a gente costuma se sentir quando tá na fossa. Os links são pra um flash e um vídeo no youtube desse flash(em casa o flash roda lentão).
http://korpps.free.fr/radiohead_creep.swf
http://www.youtube.com/watch?v=JsHKoJM8uv8

2. Pearl Jam – Last Kiss
Embora tenha um ritmo bem rapidinho, a música é uma tristeza só, e a vontade é de sair chorando que nem uma menininha pro banheiro toda vez que ouço. Pra quem nunca prestou atenção na letra, conta de um cara que tinha achado a menina da vida dele e um dia quando eles estavam andando de carro eles sofrem um acidente e ela morre. Sad, very sad indeed.
http://www.youtube.com/watch?v=hBGfoOVn4o4

3. Gary Jules – Mad World
Te falar, toda vez que ouço essa música tenho vontade de cortar os pulsos. Embora tenha um arranjo lindo, a música é triste de rasgar o coração em pedacinhos. Chora, Corno, chora!
http://www.youtube.com/watch?v=4N3N1MlvVc4

4. Los Hermanos – Quem sabe
Existem muito menos suicidas agora que Los Hermanos não é mais modinha. Terminar um namoro e ouvir Quem Sabe no rádio deve ter sido motivo de muitos suicídios. E dá-lhe limpar os pedaços de miolos no chão na frente dos prédios.
http://www.youtube.com/watch?v=JgzrNN699kg

5. Legião Urbana – Acrilic On Canvas
Essa música me embalou muito na fossa, embora ela não descrevesse exatamente o meu problema, mas tá aí outra música que serve de fundo pra qualquer um que queira ligar a grelha.
http://www.youtube.com/watch?v=XDdQfcASRAw

6. Tim Maia – Me dê motivo
Riam, se quiserem, mas essa e umas garrafas de bebida poderiam levar a um envenenamento por álcool, com direito a nota de suicídio.
http://www.youtube.com/watch?v=avEIJOYUMGc

7. Scorpions – Still Loving You
Embora tenha um arranjo bonitinho, não se engane, pois o conteúdo da música é de um pobre amante apaixonado por aquela que lhe deu um chute. ??, a fossa é um momento único na vida de um ser humano.
http://www.youtube.com/watch?v=3uNyPefjS88

8. Red Hot Chilli Peppers – Under the Bridge
Mais do que uma música de fossa, é uma música de super fossa. A namorada abandonou, você tá endividado, o cachorro cagou na sua camisa favorita e depois fugiu, sua luz foi cortada e você ainda tá com uma diarréia crônica.
http://www.youtube.com/watch?v=cHcGmhvDlCY

9. Pink Floyd – How I Wish You Were Here
Embora originalmente a música não tenha sido feita com essa intenção, garanto que ela foi trilha sonora de muitos suicídios juvenis.
http://www.youtube.com/watch?v=3DXCHa9BYfE

10. The Cure – Pictures of You
Nem precisa de comentários, né? Fossa total, olhar pras fotos e lembrar do passado. Triste demais.
http://www.youtube.com/watch?v=1_6KPet8Zo8

Menções honrosas:
Legião Urbana – Dezesseis
The verve – The Drugs Don’t Work
Tom Waits – The Piano Has Been Drinking

Pois é.. Como sou um blogueiro isolado, não passarei o Meme a frente, mas se alguém quiser, sinta-se convidado, só avisar aí que eu edito e convido ;)

Correção, já que eles tem um blog de música, vou passar pra eles xD
(des)Acordes