Música

Comecei a me interessar por música tarde. Mas nunca me interessei de verdade. Sempre quis aprender a tocar um instrumento, mas não tive a oportunidade.

Lá pra 7ª, 8ª série eu comecei a ouvir outras coisas que não a rádio. Achei na rua um CD do Nirvana, o Unplugged MTV, comecei a ouvir Legião Urbana e tal.

Depois, entre a 8ª série e o 1º ano eu comecei a ouvir coisas que eu só tinha ouvido falar. Iron Maiden, Kiss, Metallica. Foi quando eu tive a minha época de Metaleiro Revoltado, só andava de preto, com correntes e tudo o mais. Divertido :)

Daí conforme o tempo foi passando meu gosto foi estabilizando. Fui ouvindo coisas diferentes, abrindo um pouco os horizontes, e no fim fui descobrindo meu gosto por música, refinando ele por assim dizer. Afinal, você só descobre o seu gosto por música quando você começa a descobrir as músicas que você definitivamente não gosta.

Comecei com esse post introdução porque embora esse aqui não seja um blog especificamente sobre música, ando ouvindo cada vez mais músicas que eu não conhecia, ando ouvindo coleções inteiras de artistas, fugindo de seus hits, pra ver se o que eu gosto são de seu estilo, ou de seus hits.

Uma banda que eu descobri que eu só gosto dos hits, por exemplo, é Ramones. Na verdade, eu descobri que acho punk rock muito chatinho. Tirando aquelas músicas mais pop’s (Blitzkrieg Bop, I Wanna Be Sedated, etc) e algumas que não são dos caras mas apareceram em algum cd deles (tipo Have You Ever Seen The Rain), eu não curto o som dos caras. Acho meio “tudo igual”, os fãs que me perdoem. Aquela batida Punk padrão é meio chatinha. Sei lá.

Bom, ainda tenho muito assunto. Música deve voltar a ser assunto por aqui ;)

2 thoughts on “Música”

  1. Oi, ATre!
    Corrigi o texto, esqueci que nem todo mundo sabe o que é IE. Mas IE significa simplesmente Internet Explorer ;)
    Abração!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *